Nota de entrada

Outubro 19, 2007 at 12:08 am Deixe um comentário

A presença das novas tecnologias na paisagem cultural dos homens e mulheres é um facto incontornável, tanto na dimensão interior como exterior dos indivíduos. Hoje, as economias do mundo transitaram da lógica industrial para a lógica do saber, onde a capacidade de adaptação constante a novas formas significativas de aprendizagem é crucial para a sobrevivência. Esta aprendizagem do saber é uma actividade cada vez mais colaborativa, convertendo-se numa actividade social plenamente integrada.

Vivemos uma época em que as relações humanas estão fortemente marcadas pela presença das tecnologias, aquilo a que Sánchez (2004) chama o “novo espaço da relação humana”, em que se destacam as novas formas de viver, de se conhecer a si mesmo, de conhecer os outros e com eles se relacionar.

Diante de uma “nova juventude”, com novas competências, capacidades e recursos, mas também com novos problemas e desafios, as instituições educativas podem sentir-se perdidas e incapazes de propor alternativas credíveis e que sejam aceites, que respeitem a identidade de cada indivíduo e os ajude a um maior desenvolvimento pessoal e social.
Na tentativa de encontrar uma nova abordagem para a educação para os valores, perguntamos:

• Será que o recurso às novas tecnologias, entre elas as que se inserem na Web 2.0, poderão ajudar na educação para os valores?
• Que experiências, dentro deste contexto, já foram realizadas?
• Será que as ferramentas consideradas da Web 2.0 são um meio capaz de optimizar as competências de partilha de reflexões e conhecimentos?
• Será que as novas tecnologias constituem uma mais-valia para o aprofundamento e clarificação dos valores?
• Será a sua utilização um factor de motivação para a reflexão de temas relacionados com a educação para os valores?
• Será possível criar uma comunidade virtual capaz de ajudar a fomentar momentos de reflexão, partilha, cooperação, num ambiente rico de experiências?

Tendo em conta os problemas colocados anteriormente, definimos os seguintes objectivos:
• Analisar o impacte das ferramentas da Web 2.0 na educação para os valores, em adolescentes e jovens.
• Identificar os aspectos positivos e negativos da utilização das novas tecnologias da educação e comunicação, entre elas as ferramentas da Web 2.0, no âmbito da educação para os valores, no que diz respeito a uma maior abertura, maior capacidade de argumentação e maior motivação na abordagem temática.

Com este projecto queremos analisar a forma como se cria interacção, como esta se desenvolve, que tipo de recursos são mais atractivos e como se desenvolve o espírito de reflexão crítica, da partilha de recursos, trabalhos, opiniões.

Entry filed under: Contexto. Tags: .

Formação

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Precisa de material multimédia?

É catequista? Precisa de recursos multimédia para apoio à catequese? Clique na separata "recursos multimédia" e fale connosco.

Estatística do Blog

  • 149,617 visitas
Outubro 2007
M T W T F S S
    Nov »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

%d bloggers like this: