Um dia…

Janeiro 10, 2009 at 10:51 pm 4 comentários

Este é o tema proposto ao grupo Folhas livres. Desejamos que cada um desenvolva o tema pelo caminho que escolher.

É importante fazer escolhas. Para as fazer, precisamos de nos conhecermos cada vez melhor. Quantas opiniões, decisões, atitudes são tomadas sem sabermos as verdadeiras razões que nos vão na alma. No nosso comportamento e nas nossas atitudes são moldadas pelas imagens, suposições e histórias que carregamos na nossa mente sobre nós mesmos, sobre as outras pessoas, instituições e todos os aspectos do mundo. Muitas das vezes, nas experiências novas que vivenciamos, somos levados a aceitar e lembrar apenas das informações que reforçam os nossos modelos mentais existentes, isto, as nossas ideias pré-feitas. Isto é uma fonte de mal-entendidos. Dos dados observaveis dos que acontece, temos tendência para seleccionar os dados, fazer as nossas interpretações pessoais, acrescentar dados recolhidos em outros contextos, lenado-nos a fazer suposições e a tirar conclusões. Dessas conclusões adoptamos crenças e atitudes. E tudo o que ocorre posteriormente serve para reforçar as nossas ideias pré-feitas.

Tal como num iceberg, existe uma dimensão a descoberto, que reconhecemos, mas existe muito mais escondido, tanto em nós como nos outros. Só numa análise reflexiva, aberta, sem preconceitos, podemos ficar mais próximos da verdade. Pensemos para nós mesmos: Quais as forças em jogo que contribuiram para uma atitude? Porque desejamos realmente algo? Nós somos como realmente gostamos?  Qual é a coisa que eu mais desejo? Se pudesse ter isso agora, eu aceitaria? Supondo que realizei esse desejo; o que isto me trouxe?

É preciso desenvolver um espírito crítica, não no sentido de ver mal em tudo, mas na aquisição de competências que me permitam expandir o meu ponto de vista, os meus conhecimentos e a minha consciência daquilo que sou e desejo. Não devemos viver angustiados, mas devemos descobrir a pessoa que existe em nós.

Ao fazerem este filme, “um dia…”, pensem nisso, mas sem angústias em chegar depressa, ou em não conseguir. Isto é um processo contínuo, ao qual nunca veremos o fim. Mas cada passo que der, serei mais eu, mais feliz.

Aguardo os vossos comentários e os vossos trabalhos.

Anúncios

Entry filed under: Auto-conhecimento, Grupo.

Vamos ao trabalho? Olá Folhinhas

4 comentários Add your own

  • 1. Luís Carlos  |  Janeiro 12, 2009 às 7:23 pm

    Como dizia o poeta um dia.
    Quem já passou por essa vida e não viveu
    Pode ser mais, mas sabe menos do que eu…
    Do que nos vale ter medo de viver? De não fazer o que queremos por não ter coragem? De dizer as nossas opiniões? Pois, também eu faço essa pergunta a mim mesmo… não encontro resposta…

    A vida passa a correr…
    Quando se vê, já são seis horas!
    Quando de vê, já é sexta-feira!
    Quando se vê, já é natal…
    Quando se vê, já terminou o ano…
    Quando se vê, passaram anos!
    E pensamos………Se me fosse dado um dia, outra oportunidade, eu nem olhava para o relógio…
    E então pensamos, demos o nosso máximo? Fizemos o nosso melhor?
    Para isto é que não devemos ter medo das escolhas e seguir em frente, sem olhar para traz. Siga para a frente… 🙂

  • 2. José Sá  |  Janeiro 12, 2009 às 7:59 pm

    Adorei. Simplesmente lindo. Para usar as vossas palavras: “amei!” Obrigado Luis por este testemunho. São coisas que conhecemos, mas por vezes nos esquecemos de viver. E dito desta forma… mexe…

  • 3. Cátia  |  Janeiro 13, 2009 às 5:36 pm

    muito bem priminho…
    fantástico… fantabulástico…
    tá mesmo ” MUITO BOM”

  • 4. JoAnA  |  Janeiro 16, 2009 às 6:05 pm

    bem luis o teu texto esta muito giro 🙂 estavas inspirado* quando queres ate das poeta lool
    ta mesmo giro*
    Parabens*

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Precisa de material multimédia?

É catequista? Precisa de recursos multimédia para apoio à catequese? Clique na separata "recursos multimédia" e fale connosco.

Estatística do Blog

  • 156,468 visitas
Janeiro 2009
S T Q Q S S D
« Dez   Fev »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

%d bloggers like this: